O que ninguém te conta
Diário do Mochilão

Diário do Mochilão

Hoje pela primeira vez eu pensei em desistir do meu mochilão.

Uma pequena coisa que aconteceu no Hostel desencadeou sentimentos e pensamentos que eu não tinha, até então.

Desde o começo fui clara pra mim mesma que eu não iria me cobrar, se eu quisesse desistir e voltar pra casa eu faria. Mas eu não sabia que o fardo de desistir era tão pesado.

Hoje acho que me desafiei para algo ao qual eu não estava pronta.

É maravilhoso o que estou fazendo, tenho orgulho de mim até aqui, mas não estou dando conta.

Eu acordo todos os dias cedo, vou dormir quase todos os dias tarde, trabalho para a agência com uma internet horrível, faço passeios, crio conteúdo, compartilho o conteúdo, trabalho no hostel, divido quarto com pessoas estranhas (que roncam) e não consigo me comunicar de uma forma natural com a maioria das pessoas que convivo.

Hoje, eu só queria estar em casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *