Mochilão
Mochilão sozinha, por onde começar

Mochilão sozinha, por onde começar

Muitas pessoas já tiveram o sonho de fazer um mochilão e sair para o mundo, bom, eu sou uma delas.

Quando comecei a pesquisar lugares para iniciar meu mochilão, percebi que muitas pessoas falavam do Chile, no geral, várias cidade são listadas como “seguras”. Minha maior preocupação era estar em um lugar seguro para uma mulher viajar sozinha.

Por que não começar pelo Brasil?

Mas por que não comecei pelo Brasil? Pois eu gostaria de me aventurar em outro país, conviver com outra língua, aprender no dia a dia o espanhol, eu queria ir para um país gelado, na real, eu queria era “passar perrengue”, e tenho conseguido isso com sucesso hahaha. O Brasil é um país maravilhos e estou explorando-o com o Casal de Marte, quem sabe em breve eu não saia com a minha mochila nas costas desbravando o Brasil, mas não agora.

Quanto R$ levar para um mochilão?

Outro ponto a ser levantado, é a questão de grana. Quanto levar? Por quanto tempo me programei?

A verdade é que não precisamos de muito para nos aventurar. Sai de casa com R$ 3.000,00!

O maior gasto que você vai ter durante a sua viagem é com hospedagem.

Vou te falar por que: se você ficar em um Hostel, procure um que tenha cozinha e você já irá economizar muito com a alimentação (sobre alimentação, eu me dou o luxo de comer fora pelo menos duas refeições na semana).

Os passeios você consegue escolher e deixar tudo dentro do seu orçamento (exemplo: eu aluguei uma bike e fui conhecer alguns lugares sozinha, valeu muito a pena, acho que foi o rolê mais incrível que eu fiz até agora).

E com a hospedagem você terá esse gasto fixo todos os dias, por mais que você possa conseguir um lugar muito barato, mesmo assim vai ter esse gasto, que é essencial, a não ser que, você faça um voluntariado e trabalhe em troca de hospedagem.

Trabalhar e viajar

Eu tenho um trabalho “freela” remoto que me permite ser uma verdadeira nômade digital, posso trabalhar de qualquer lugar desde que tenha nossa amada internet.

Conseguindo ganhar uns trocados durante o mês, fui em busca de uma plataforma que conectasse com esse tipo de trabalho por troca de hospedagem. Encontrei a WorldPackers, selecionei algumas opções de destinos, fui aceita e me joguei pro mundo.

Resumindo

Esse é um resumo do que você pode fazer para iniciar um mochilão e vivier experiências únicas! 

A vida está passando, corra atrás, se dê o direito de viver algo extraordinário, e se nada der certo, volte e recomece.

Pelo meno hoje eu posso dizer, eu fui viver um pouco do mundo e foi incrível.

 

Até o próximo post! Um beijo da Sthé

2 thoughts on “Mochilão sozinha, por onde começar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *